feira gráfica [mg]

numa ação conjunta d’a zica, marcos batista, polvilho edições e quartoamado, beagá recebeu, no mês de maio, a primeira edição da feira gráfica. o evento reuniu, no sempre bom e velho edifício maletta, produções editoriais independentes, soluções gráficas ousadas e artes impressas.

foi na feira gráfica a primeira aparição pública – em terras mineiras – da série de cartazes signes, desdobramento gráfico do livro gnesis. antes disso, o rídjanêro já havia sediado o pré-lançamento mundial dos tubetes dourados do signes, durante a feira pão de forma.

além da cena local, participaram também coletivos artísticos do paraná (grafatório) e distrito federal (mês).

.

fotos: raul sampaio

Anúncios