a mariposa

[ livro finalista no prêmio miolo(s) 2016, na categoria ‘livro de artista’ ]

no monólogo processo de conscerto do desejo, matheus nachtergaele, filho da poetisa maria cecilia nachtergaele, recita a obra deixada por sua mãe, falecida quando ele tinha apenas três meses de vida.

a partir da experiência cênica, matheus teve o anseio de produzir um livro que compilasse os poemas reverenciados na peça. assim nasceu a mariposa, publicação criada e produzida pela polvilho edições. com projeto gráfico de ana rocha, os poemas se apresentam na mesma sequência da peça, e respeitam a grafia e métricas presentes nos originais datilografados por maria cecilia.

acomodadas dentro de uma caixinha dourada, 33 lâminas soltas compõem o miolo do livro, que tem prefácio em serigrafia, poemas em offset e uma lamina ilustrada em relevo seco.

» confira aqui o processo de impressão do livro.

a mariposalivro esgotado
maria cecilia nachtergaele
polvilho edições, 2016

caixa em papel rustic metalic gold water 420g, 12 x 11 x 1,5 cm, impressa em serigrafia 1×0 cores (preto)

33 lâminas 11,5 x 10,5 cm sendo: 31 impressas em offset 1×0 cores (preto) sobre papel markatto naturale 250g, 1 impressa em serigrafia 1×0 cores (dourado) sobre papel markatto naturale 250g e 1 lâmina em relevo seco sobre papel fed ultra black 370g
tiragem de quinhentos exemplares

Anúncios